texto_noticias
Top 10: os caminhões mais potentes do mundo PDF Imprimir E-mail
Qui, 01 de Março de 2012 17:27
Neste grupo, só entram caminhões com motores capazes de gerar mais de 500 cavalos de potência! Mas não pense que tal poder seja mera ostentação: os modelos extrapesados são extremamente necessários no transporte seguro de grandes cargas, principalmente nas áreas de infraestrutura, construção e mineração. Em 2011, o Brasil assistiu as fabricantes anunciarem uma série de opções para o segmento – a Ford, por exemplo, anuncio na última Fenatran que irá desenvolver o primeiro extrapesado da marca em nosso País. Veja agora quais são os 10 caminhões com as potências mais elevadas do planeta.

1 - Cat 797 - Caterpillar

1

Difícil tirar o trono desse gigante. Quando se pensa em caminhão grande, o Cat 797 logo vem à mente. Com seu motor diesel Cat C175-20 (e um tanque com capacidade para 3.785 litros de combustível), o mastodonte sobre rodas entrega uma potência de 4.000 cavalos. Todo esse poder é direcionado para o duro trabalho na área de mineração, onde o veículo é capaz de transportar cargas de 400 toneladas (geralmente, de cobre, carvão, minério de ferro e ouro). As dimensões também surpreendem: tem comprimento total de 15,08 metros e largura de 9,5 metros. Os pneus medem quase 4 metros de altura. E para o motorista chegar à cabine de comando, ele precisa subir uma escada de 6,5 metros.

2 - FH 16 750 - Volvo

2

Na Fenatran 2010, esse modelo sueco já chamava a atenção pela sua potência de 700 cavalos. Agora, em 2012, é possível conduzir um modelo mais poderoso, com 750 cavalos de potência. Tanta força não poderia deixar de lado o conforto: é possível escolher três configurações de cabine, todas com acabamento Premium. A história do FH 16 começou em 1987, quando o primeiro caminhão já oferecia 470 cavalos de potência. E até hoje se mantém como a ferramenta ideal para tracionar cargas de grande volume em regiões montanhosas e de serra.


3 - TGX V8 - MAN

3

Disponível na Europa, o TGX 18.680 V8 é a resposta alemã para os concorrentes Premium, e oferece um trem de força que chega aos 680 cavalos de potência. De acordo com a fabricante alemã, a cabine oferece um elevado conforto para o motorista, que poderá cruzar longas distâncias rodoviárias com total segurança. É oferecido na configuração 4x2.

4 - V8 - Scania

4

Esse poderoso caminhão é oferecido em duas opções de potência: 560 e 620 cavalos. Equipados com o motor Scania de 16 litros e oito cilindros em V, os veículos V8 são famosos por sua economia de combustível em trabalhos mais pesados e também com cargas leves. O torque elevado em baixas rotações cria a possibilidade de economizar ainda mais combustível, e os motores são regulados para fornecer grande torque já na marcha lenta, para facilitar o arranque.  O torque máximo é produzido a partir de 1.000 rpm (rotações por minuto).

5 - Coronado SD - Freightliner

5

Esse modelo norte-americano é direcionado a transporte pesado em condições severas. Com três configurações de motor, pode chegar a 600 cavalos de potência e capacidade de carga de até 42 toneladas. A cabine também pode ser customizada, sendo oferecida em versões como simples e leito.

6 - W900 - Kenworth

6

Quem acompanha a série de TV a cabo “Caminhoneiros do Gelo” já viu esse pesadão norte-americano mostrando do que é capaz ao cruzar inóspitas estradas congeladas no Alasca. Sua motorização começa nos 475 cavalos, mas pode chegar a 600 cavalos de potência, sendo ideal para tracionar bitrens e cargas de grandes volumes.

7 - 389 - Peterbilt

7

Outro clássico “bicudo” norte-americano que já foi até “astro de cinema”: o modelo anterior 379 serviu como “corpo” do personagem Optimus Prime, o líder dos Autobots da série Transformers. Na vida real, o motor Cummins ISX15 pode chegar a 600 cavalos de potência para operações de transporte rodoviário de longa distância.

8 - 4900 - Western Star

8

Criada em 1967 nos Estados Unidos e controlada pelo grupo alemão Daimler, a Western Star se especializou na fabricação de modelos Premium como este 4900, que pode ser adquirido em três configurações (EX, SB e SF) – todas com possibilidade da inclusão de motores com 600 cavalos de potência. O “bicudo” é voltado principalmente para transporte rodoviário de longa distância, e é comum encontrá-lo em estradas australianas puxando três reboques (às vezes, até mais) e equipado com snorkels (para passar em áreas alagadas).

9 - Stralis AS - Iveco

9

O AS é de Active Space, pois sua cabine é espaçosa e confortável. Em sua versão teto alto, mede 3,8 metros de altura e 2,5 metros de largura. E o motor chega aos 560 cavalos de potência. Outros detalhes foram projetados especialmente para este gigante, como o novo painel em duas cores (preto e caramelo), o volante com duas tonalidades que traz as teclas de comando do computador de bordo (com nível de Arla 32 e econômetro), e as teclas da transmissão automatizada (D, N, R), condução econômica (ECO), limitador de velocidade, rebatedor elétrico de cabine e luzes internas.

10 - Magnum - Renault Trucks

10

No Brasil a marca lembra automóveis, mas na Europa a Renault também é bem conhecida pela qualidade de seus caminhões extrapesados. O modelo Magnum aposta no design e aerodinâmica para reduzir o consumo de combustível, mas não economiza na potência de seu motor Dxi13: 520 cavalos.

Fonte: msn
Última atualização em Qui, 22 de Março de 2012 23:01
 
gototop